Este blogue pretende dar a conhecer “leituras” realizadas por alunos do AEMD. Está associado ao projeto "Cartão de Fidelidade" da Biblioteca Escolar que atribui pontos por cada opinião sobre livros lidos.

28
Jan 18

a máquina do tempo.jpga máquina do tempo.jpg2.jpg

 

Autor: H.G.Wells

Título: A máquina do tempo

Editora: Público

Data de edição: 2004

Data de publicação original: 1895

Número de páginas: 126

Nota: A Máquina do Tempo (1895) é uma das primeiras fantasias científicas de H. G. Wells e um clássico do género, a par de A Ilha do Dr. Moreau (1896), O Homem Invisível (1897) e A Guerra dos Mundos (1898).  

Assunto/Sinopse

Em pleno século XIX, um cientista inglês apresentado como o "Viajante do Tempo" constrói uma máquina capaz de viajar até ao futuro. Ao testá-la, é transportado para o ano de 802-701, completamente desconhecido para o cientista. Este novo mundo é habitado por duas espécies distintas: os Elois, pacíficos e dóceis, que aparentemente vivem uma vida sem preocupações, e os Morlock, criaturas subterrâneas que acabam por se revelar predadores dos Elois. O viajante pensa estudar estas criaturas fascinantes e depois regressar ao seu tempo, quando descobre que a sua invenção havia sido roubada.

Apreciação crítica/Impressões de leitura

Confesso que iniciei esta leitura com bastantes expetativas, mas infelizmente este livro foi para mim uma completa desilusão! É um livro com poucas páginas que, pensava eu, não tardaria a acabar, no entanto demorei bem mais do que aquilo que esperava. Acho que tal se deveu ao facto de a história ter sido, para mim, previsível e pouvo inovadora, dado que o conceito de "viagem no tempo" já foi explorado de todas as formas possíveis! Não gostei das personagens nem da narrativa (feita na 1ª pessoa e por duas personagens), muito superficial, sem grandes explicações.

O único aspeto positivo do livro é, sem dúvida, o modo como o futuro nos é apresentado, a que se deveu o grande sucesso do livro, publicado no século XIX e considerado o primeiro romance de ficção científica a abordar o tema da viagem no tempo, o que despertou a curiosidade das pessoas da sua época. 

Em geral, não gostei, mas apenas porque o li na época errada!

 

Oceana Fernandes, 9A-S

Data de leitura: janeiro 2018

publicado por buelivros às 12:34

Intemporal :-)
HD a 3 de Fevereiro de 2018 às 18:10

Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26

29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO