Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BUÉ LIVROS

Este blogue pretende dar a conhecer “leituras” realizadas por alunos do AEMD. Está associado ao projeto "Cartão de Fidelidade" da Biblioteca Escolar que atribui pontos por cada opinião sobre livros lidos.

BUÉ LIVROS

Este blogue pretende dar a conhecer “leituras” realizadas por alunos do AEMD. Está associado ao projeto "Cartão de Fidelidade" da Biblioteca Escolar que atribui pontos por cada opinião sobre livros lidos.

13.Fev.22

Mulherzinhas

As-Mulherzinhas.jpg

Autor: Louisa May Alcott 

Título:  Mulherzinhas

Editora: Edi9, Inovação Editorial      

Número de páginas: 215

A história deste livro passa-se durante o século XIX, e ficamos a conhecer quatro irmãs (Meg, Jo, Beth e Amy).  Com elas superaremos problemas, como a partida do seu pai para a guerra, mas também viveremos bons momentos como os seus serões ao pé da lareira.

Reli este livro e não me arrependo. Em primeiro lugar, tenho a dizer que para ser um livro clássico oferece uma leitura bastante acessível, com um vocabulário simples e objetivo. Adorei o facto de todas as personagens estarem muito bem trabalhadas. Todas elas têm personalidades bastante vincadas, distintas e inspiradoras, tornando a leitura  mais cativante. Obviamente que vamos ter de salientar a Jo, já que me identifico com ela, principalmente pelo feitio. Além disso, gosto dela, uma vez que é a personagem que tem uma personalidade forte e lutadora, “pensa fora da caixa” e é ambiciosa. As críticas são unânimes em considerar que é um livro que transmite bons valores e ensinamentos. E eu só posso concordar, desde os valores da união, humildade, perseverança, à honestidade e empatia. Por último, tenho a dizer que a narração se arrasta lentamente, isto é, fixa-se muito num só momento (há momentos em que a autora os descreve intensivamente, conta pormenores, narra detalhadamente criando aí um paragem no decorrer da ação. Como por exemplo, quando as irmãs se reuniram no sótão para se entreterem com uma atividade durante um dia chuvoso, acontece exatamente o que foi referido na frase anterior há uma descrição do jogo, das regras, dos participante, a leitura dos testos alusivos ao jogo,...). E isso não permite que haja um avanço rápido da ação, o que tornou a leitura menos motivadora.

Recomendo a sua leitura! Mas ainda vou ganhar coragem para ler a sequela deste livro, “Boas Esposas”.

Data: fevereiro 2022

Sara Vicente,  9A

****

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.